segunda-feira, 30 de novembro de 2009

A TERRA VAI EXPLODIR EM 2012.

O FOGO IRÁ CONSUMIR OS SERES RACIONAIS POIS ESTES ESTÃO FUNCIONANDO COMO UM VÍRUS NA DESTRUIÇÃO DA TERRA. É O QUE NOS ASSEGURA A PROFECIA MAIA.


O Planeta, antes de ser um lugar habitável, era por sinal uma imensa bola de fogo que ardia constantemente sem nenhuma perspectiva de vida natural. Mas depois, com o passar de muitos anos, a Terra passou por um processo de resfriamento enquanto se formava a atmosfera, composta de gases, entre eles o gás oxigênio, fundamental a vida dos seres vivos. A biosfera se formou e a vida prosseguiu. Somente depois que os mares originou a espécie humana é que a terra tem passado por momentos inquietantes. O Homem começou a evoluir para a espécie Homo sapiens e a partir daí ele passou a destruir o planeta em vive. Povos muitos antigos, dotados de racionalismo inconteste, que hoje subjugamos sem fundamento, passaram a tecer crendices e profecias para além de seu mundo real. Os MAIAS são exemplos desses povos. Eles observando o Universo, não se sabe como, revelaram coisas assustadoras para a humanidade desses tempos contemporãneos, eles preveram o FIM DO MUNDO. Segundo o site http://www.doismiledoze.com/ , que expõe a profecia Maia, o mundo irá acabar em 2012. Diz que "Através de estudos sobre o sol, os Maias descobriram que o tempo se comporta de maneira cíclica, e não linear. Segundo eles, não apenas a Terra gira ao redor do sol, mas também todo o sistema solar se move em um movimento periódico. Tal movimento faz com que o sistema solar se aproxime ou se afaste do centro da galáxia, que possui uma grande fonte de luz e energia. Descobriram que esse movimento se trata de uma elipse, e que seu ciclo completo tem duração de 25.625 anos.Chamamos esse ciclo de Dia Galáctico. Quando o percurso chega na metade, estamos perto do centro da galáxia, ou seja, estamos próximos da luz central, dessa forma dizemos que estamos no Dia da Galáxia.
Na continuação do percurso, o sistema solar vai se afastando do centro da galáxia, estando na sombra ou escuridão, o que chamamos de Noite da Galáxia.Dessa forma podemos concluir que a galáxia possui ciclos de estações. O resultado do nosso movimento de rotação ao redor do sol são as estações: primavera, outono, verão e inverno. Já o resultado do movimento de rotação do sistema solar em relação ao centro da galáxia são os seguintes estados: Manhã da Galáxia, Médio dia da Galáxia, Tarde da Galáxia, Entardecer da Galáxia/Noite da galáxia e Profunda noite da Galáxia." E mais : "A cada passagem de estados, de 5125 anos em 5125 anos, o sol recebe uma intensa energia vinda do centro da galáxia (Sol central da galáxia), que faz com que aconteçam as erupções solares.Os Maias dataram o início do atual ciclo galáctico em 10 de agosto de 3113 a. C, e que ao fechamento desse ciclo de duração de 5125 anos, o sol receberá um forte raio sincronizador proveniente do centro da galáxia, trocando sua polaridade e produzindo uma gigantesca labareda radiante. Com o Sol trocando a sua polaridade, a Terra se verá obrigada a inverter também o seu campo magnético, visto a influência gravitacional que o Sol exerce sobre nosso planeta. E essa data de fechamento se dá exatamente no ano de 2012 d.C."

Eles estabeleceram o que se chama de Ciclo Galáctico, que se pode ver abaixo:

"O Ciclo Galáctico de 25.625 anos está dividido em 5 ciclos de 5.125 anos:

O 1º CICLO DA GALÁXIA – é o ciclo da MANHÃ GALÁCTICA, quando o sistema solar acaba de sair da escuridão para entrar na luz. É um período de gestação, de conformação.

O 2º CICLO DA GALÁXIA – é o ciclo do MEDIODIA DA GALÁXIA; onde o Sol central é muito forte, é uma etapa de desenvolvimento que culmina com sua maior expressão.

O 3º CICLO DA GALÁXIA – é o ciclo da TARDE DA GALÁXIA; começa-se a sentir menos a luz.
O 4º CICLO DA GALÁXIA – é o ciclo do ENTARDECER / NOITE DA GALÁXIA; o entardecer se converte em noite, onde se realiza uma tomada de consciência de todo o fato.

O 5º CICLO DA GALÁXIA – é o ciclo da PROFUNDA NOITE DA GALÁXIA, que volta a dar inicio a outros 5 ciclos de 5.125 anos, e assim eternamente….…
….início de uma nova era.

Os Maias asseguravam que sua civilização era a 5º iluminada pelo Sol, o quinto grande ciclo solar (ou seja, estamos no entrando no sexto dia solar), e que antes tinham existido sobre a Terra outras 4 civilizações que foram destruídas por grandes desastres naturais. Acreditavam que cada civilização é só um degrau na ascensão da consciência coletiva da humanidade. Para os Maias, no último cataclismo, a civilização foi destruída por uma grande inundação que deixou uns poucos sobreviventes dos quais eles eram descendentes; pensavam que ao conhecer o final desses ciclos muitos seres humanos se prepararam para isso, tinham conseguido conservar no planeta à espécie pensante, o homem. Dizem-nos que a mudança dos tempos, nos permite ascender um degrau na escala evolutiva da consciência, nos dirigir a uma nova civilização que viverá em maior harmonia e compreensão para todos os seres humanos.
A 1º profecia(de 7 profecias) nos fala do TEMPO DO NÃO TEMPO, um período de 20 anos ou KATUN, dos últimos 20 anos do grande ciclo de 5.125 anos, ou seja, de 1992 até 2012. Profetizaram que durante estes anos, manchas de vento solar cada vez mais intensas apareceriam no Sol, que desde 1992 a humanidade entraria em um período de grandes aprendizagens, de grandes mudanças, que nossa própria conduta de depredação do planeta contribuiria para que estas mudanças acontecessem.
A 1ª profecia diz que estas mudanças vão acontecer para que compreendamos como funciona o universo e para que avancemos a níveis superiores de consciência, deixando atrás o materialismo e nos liberando do sofrimento.O Livro Sagrado Maia do CHILAM BALAM, diz: “Ao final do último Katun (1992-2012) haverá um tempo em que estarão imersos na escuridão, mas logo virão os homens do Sol trazendo o sinal futuro”. Despertará a Terra pelo norte e o poente, o ITZA despertará.
A 1ª profecia diz que 7 anos depois do último KATUN, ou seja, em 1999, começaria uma época de escuridão que faria com que todos enfrentassem a escuridão de suas condutas. As palavras de seus sacerdotes seriam escutadas por todos nós como um guia para despertar.
Eles falam desta época como aquela em que a humanidade entrará no Grande Salão dos Espelhos, uma época de mudanças para que o homem possa enfrentar a si mesmo, para que se olhe e analise seu comportamento com ele mesmo, com outros, com a Natureza e com o Planeta. Uma época onde toda a humanidade, por decisão consciente de cada um de nós, decide trocar o medo e a falta de respeito de todas nossas relações. A partir de 13 de agosto de 1999 começou a correr os últimos 13 anos, a última oportunidade para nossa civilização, para realizar as mudanças que nos conduzam ao momento da regeneração espiritual e a uma Nova Era Dourada planetária.Predisseram que desde essas datas as forças da Natureza serão o catalisador de uma série de mudanças de tal magnitude que o homem se verá impotente para contê-las. A segurança que temos em todos os sistemas e na tecnologia que criamos a nosso redor começará a fraquejar, já não poderemos aprender mais desta civilização, da forma que estamos organizados socialmente. Disseram que nosso desenvolvimento interno necessita um lugar melhor.
Muitas das vezes nos perguntamos até onde pode ir a crença humana, o crer, o duvidar, o saber e o revelar. Independente de sua escolha, existe algo que nos une, que faz de nos semelhantes e próximos. Esse algo é a nossa existência, que poderá ser colocada a prova nesse dia profético, que fará de nós seres com os mesmo medos, com os mesmos receios."( tudo isso está exposto no referido site).
Partindo dessa profecia, profecio a minha também: o Homem irá sucumbir pois a Terra já o percebe como uma praga avarenta que está destruindo tudo que a natureza lhes deu. Eles inventaram um arsenal de ferramentas que embora lhes ajudem a se defender e a sobreviver, elas são responsáveis pela destruição da natureza. Mas só depois que a espécie medíocre inventou o tal de capitalismo e preferiu habitar nos setores urbanos criando uma cultura de consumismo e de reprodução da espécie fora do controle é que a destruição foi acentuada e hoje o Homem se desespera para salvar o que não tem mais conserto. O bicho racional para viver hoje ele tem que poluir e deswtruir os espaços ambientais. A poluição está incontrolada e a Terra mergulharar em catástrofes incessantes. Isso pode paracer um pessimismo ou uma informação seensacionalista, mas prevejo que aquele que não ouvir o que já é fatopadecerá no anonimato. Então, que venha a explosão! A Terra está sendo aquecida ano após ano, do ano 2000 para cá ela está definhando assustadoramente. E não haverá religião que nos assegure a salvação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário