sábado, 27 de dezembro de 2014

FELIZ 2015 PARA TODOS OS LEITORES DESTE BLOG


EU, EDNALDO LUÍZ DOS SANTOS, NO USO DE MINHAS ATRIBUIÇÕES VENHO AGRADECER DE PÚBLICO A VOCÊ LEITOR OU LEITORA DESTE NOSSO BLOG DE REFLEXÃO. TENHO O ENORME PRAZER DE PODER TER SERVIDO A VOCÊ POR ESTES SUPAPOS DO ANO DE 2014 QUE TANTO SUPRIU A SUA NECESSIDADE DE LER COISAS FORA DESTE COTIDIANO DE ESPORTES, POLÍTICA, CRENDICES AFINCAS E RELATOS DE CRIMES SEM PRECEDENTES. 
AS MINHAS OBSERVAÇÕES E ANÁLISES A CERCA DO MUNDO QUE ME CERCA FORAM RESPONSÁVEIS POR PRODUÇÕES MIRABOLANTES QUE ORA DESPERTOU A IRA DO PÚBLICO IGNORANTE E ORA IMPLANTOU A VALORIZAÇÃO DA MENTE QUE NÃO CONSEGUE PARA DE PENSAR E DE PRODUZIR. 
MESMO COM INTERVALOS DE LANÇAMENTOS DE MATÉRIAS DEMORÁVEIS, MAS ESTOU FELIZ POR VOCÊ TER TIDO A PACIÊNCIA E A ESPERA DE LER OBRAS QUE ENDOÇAM A CULTURA CAICOENSE E SERIDOENSE. MESMO QUE TENHAM TIDOS OUTRAS QUE MOSTRARAM UMA REALIDADE DO ANO MAIS VIOLENTO QUE SE DEU NA HISTÓRIA DE CAICÓ E DO SERIDÓ.
DESEJO A VOCÊ UM FELIZ ANO DE 2015 E QUE NÃO SE DESLIGUE DESSE BLOG QUE AINDA VEM MAIS POR AÍ...
ESTÁ PRA VIR MANCHETES CURIOSAS, CABELUDAS, REFLEXIVAS, INUSITADAS, HUMORÍSTICAS, REALIDADES DO BAIRRO ONDE VIVO, POESIAS, OBRAS SOMANTES E PESQUISAS INTERESSANTES PARA SUPRIR A CARÊNCIA DO MEU PÚBLICO. TAMBÉM IREI ATINGIR MAIS DE 120.000 (CENTO E VINTE MIL) CLICKS NESTE ANO QUE VEM. QUANTA FELICIDADE!
DESEJO-LHE MUITA SAÚDE E PAZ, O RESTO A GENTE CORRE ATRÁS.... 

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

PADRE JOSÉ ALEXANDRE DEIXA A CAPELA DO ALTO DA BOA VISTA

FOI NESTE ANO DE 2014 QUE FOI DIVULGADO OFICIALMENTE EM PLENA FESTA DE SANTA LUZIA QUE O NOSSO DIGNÍSSIMO PADRE JOSÉ ALEXANDRE DEIXARÁ DE APASCENTAR O REBANHO DE FIÉIS DA COMUNIDADE DO ALTO DA BOA VISTA, ZONA NORTE DA CIDADE DE CAICÓ. 
ELE QUE POR MUITOS ANOS MINISTROU COM FORTE ENTUSIASMO OS EVENTOS ECUMÊNICOS E RELIGIOSOS DO ALTO DA BOA VISTA, FUNCIONOU COMO A PRIMEIRA PEDRA MESTRA QUE ALICERÇOU AS PAREDES DA CAPELA DE SANTA LUZIA. 
FOI ELE QUE HISTORICAMENTE, QUANDO A CAPELA ERA TÃO SOMENTE UM QUARTO PEQUENO E APERTADO, COM UM CRUZEIRO MEIGO E SINGELO, REVERENCIOU AS PRIMEIRAS DOSES DE ORAÇÕES E REFLEXÕES AO POVO ALTOBOAVISTENSE. DESDE DO ENTÃO CHICO ROSADO QUE ALEXANDRE FOI O PASTOR DO SEU REBANHO.
E AGORA TENDE A DEIXAR A CAPELA POR MUDANÇA CLERICAL FEITA PELO BISPO DE CAICÓ.
ACHO QUE TODA A POPULAÇÃO DO ALTO SE DECLINOU QUANDO RECEBEU TAL AVISO, MESMO QUE EM CERTAS HORAS TENHAM OUVIDO ALGUMA EXIGÊNCIA OU RECLAMAÇÃO DE UM PADRE QUE GOSTAVA DE VER O ALGO MAIS DIREITO. OBRIGADO POR SEU TRABALHO, PADRE ALEXANDRE!

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

EDNALDO LUÍZ RECEBE PLACA DE HONRA AO MÉRITO.

O PROFESSOR EDNALDO LUÍZ RECEBEU NESTE ANO DE 2014 DIRETAMENTE DAS MÃOS DO EXCELENTÍSSIMO SENHOR SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO DA CIDADE DE SERRA NEGRA DO NORTE UMA PLACA DE HONRA AO MÉRITO AOS SERVIÇOS PRESTADOS ÀQUELA CIDADE NO TOCANTE AO USO DE DROGAS, PROSTITUIÇÃO, PEDOFILIA E ABUSO SEXUAL CONTRA CRIANÇAS E ADOLESCENTES. TAMBÉM RECEBEU ELOGIOS DE CONGRATULAÇÕES AO AUMENTO SIGNIFICATIVO DO IDEB DAQUELA CIDADE. 

PELOS ENSINAMENTOS DADOS AO CONTINGENTE DISCENTE DA COMUNIDADE E A TODOS OS OUTROS SERVIÇOS PRESTADOS A POPULAÇÃO.
EM CAICÓ TAMBÉM RECEBI ELOGIOS POR TRABALHAR DURANTE O SIGNIFICATIVO ANO DE 2014 O COMBATE AO USO DE DROGAS E AO ABUSO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES.
FICO MUITO FELIZ COM ISSO E SÓ TENHO A AGRADECER AO SENHOR SECRETÁRIO GILMAR ARAÚJO E A TODOS QUE ADMIRAM O MEU TRABALHO.
TAMBÉM AGRADEÇO A SALVA DE PALMAS QUE RECEBI HOJE (DIA 17/ 12/ 2014) DE TODOS OS MEUS ALUNOS DA ESCOLA HERMES FURTUNATO DOS SANTOS A QUAL EU TRABALHO PELAS NOSSAS DESPEDIDAS E PELO TRABALHO DE EDUCAÇÃO DADO A ELES. O MEU MUITO OBRIGADO!   

TRABALHO SOBRE A PEDOFILIA E O ABUSO SEXUAL.

EM BREVE EU COLOCAREI AQUI UMAS FOTOS DE UM TRABALHO DESENVOLVIDO POR MIM NA ESCOLA MUNICIPAL DE SERRA NEGRA DO NORTE COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES A RESPEITO DA PRÁTICA DA PEDOFILIA E DO ABUSO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES. 
ESSE TRABALHO FOI EM CONSONÂNCIA AO ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE, POIS É UMA DAS COISAS QUE EU MAIS ABOBINO E REPÚDIO É A PRÁTICA DE SEXO COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES EFETUADAS POR ADULTOS E O USO DA PROSTITUIÇÃO CONTRA TAIS PERSONAGENS. AGUARDEM AS FOTOS!  

VOCÊ SABE O QUE SEU FILHO (A) ACESSA NA INTERNET?

COMBATENDO A PEDOFILIA

A internet tem sido nos últimos tempos uma grande ferramenta no auxilio da aprendizagem escolar. Eu principalmente enquanto mestre em oficio, não me aparto de jeito nenhum de querer sempre encaminhar os meus pupilos a busca por informações de pesquisas por tal meio de comunicação. Longe das práticas facebookais ou stagranais, o uso da informática na prática da digitação e na procura de informações sobre determinado assunto dirigido pelo professor possibilita um grau de aprendizagem muito significativa. Mas é preciso que tomemos cuidado para o que eu chamo de “Comportamento Estranho dos Seres Humanos”, no tocante a rede de Pedofilia que se esconde por trás de lócus ocultos na arena cibernética.
O QUE SE tem de casos de pedofilia se espraiando pela internet é algo que nos choca e nos faz perceber que nossas crianças e nossos adolescentes estão muito vulneráveis a tais práticas praticadas por adultos e aproveitadores de corpos alheios. Casos e mais casos dessa prática a cada ano estão sendo descobertos e me parece que as forças de seguranças ainda faltam muito para conseguir manter o controle da internet.
Como se já não bastasse os adultos ou aventureiros praticarem a pedofilia, ainda muitas adolescentes, pelo o que eu chamo de “lapsos de inocência sexual”, por meio de máquinas digitais ou de filmagens dão o cabimento de se mostrarem em corpos desnudados em páginas populares. Isso não era para existir!
Na maioria dos casos os pais são os verdadeiros culpados, pois tendem a colocar internet em casa e deixam a mercê de crianças e adolescentes. Muitos deles às vezes fiam à noite grudados no computador e é aí que mora o perigo. Muitos pedófilos aprendem a prática de “rakers” e invadem os espaços privados desses públicos alvos.
Na minha opinião, o homem deve manter o controle desse meio de comunicação e quebrar para a maioria de casos graves as regras de privacidades.

Outro caso que contribui e muito para a prática de curiosidades sexuais na fase infanto-juvenil é a fácil acessibilidade a sites de pornografia. Se um menor tiver contato com algum desses sites com certeza vai ser presa certa para os aproveitadores pedófilos. Nós professores fazemos nossa parte nas escolas incentivando os alunos a terem cuidados com alguma oferta ou amizades desconhecidas no espaço cibernético. Mas é preciso que os pais colaborem com isso. Sendo assim devemos praticar um ABAIXO A PEDOFILIA!

BIRUSQUE

POEMA: BIRUSQUE
POETA: EDNALDO LUÍZ DOS SANTOS.

Birusque estava ali
No templo religioso
E se achando gostoso
Metralha do Racim.

Posudo e meio termo
Olhar de carência e brio
Produtor de um calafrio
Birusque pra cannabis.

E teve que extraditar
O limbo do desagrado
Quebrando o amalgamado
Perante o adversário.

Propôs um olhar sombrio
E falso sorriso tosco
Que no viver de enrosco
Se fez com vitalidade.

Birusque não era humano
Era um ser com diabice
Vivendo numa mesmice
De vida tosca e tirana.

E pensava está fazendo
Um lar de amor e carinho
Mas um sangue tão daninho
Percorre a veia espinhosa.

O corpo se ver sarado
É tão rígido e tão robusto
Um presépio de arbusto
Com carência de essência.

Birusque vivia triste
Com vontade de  desânimo
Pois a droga do seu crânio
Nem pensava e nem agia.

Não era bicho fiasco
Mas lhe faltava o amor
E nem a pureza da flor
Fazia-lhe viver em brando.

E assim o ego Birusque
Longe de ser cidadão
Paranóia sem noção
Do desprestígio poético.


Feito dia: 16/ 12/ 2014.

AS BONECAS DE PANO DO SERIDÓ

ANTIGAMENTE, as condições precárias pelas quais passavam o povo seridoense de menor abastância impediam muitos de adquirirem produtos de importação estrangeira. Todavia porque tais produtos que faziam a atenção das crianças do sexo feminino eram muito caras e só quem podia-lhes ter eram as crianças de poder aquisitivo maior.
Mas a pobreza não deveio a ficar deprimida. Ela criou meios para que desenvolvesse a inteligência de carência que visava à produção de brinquedos do mais simples ao mais modesto. Os brinquedos de antigamente em geral nasciam da reciclagem inocente e acanhada que se tinha de outrora. Para isso reciclavam-se mulambos em retalhos, algodões, botões e tantas outras eventualidades que gerava uma diversão a partir do repensar sobre como a criatividade poderia nascer. E se nascesse era motivo de inveja para muitos moleques e molecas dos tempos idos. E de orgulho para a grande mente que produziu tal. Mas o bom é que depois o saber era repassado de uma forma amigável e a diversão era circunscrita a todos.
Foi senão desse jeito que nasceu as bonecas de pano do Seridó. As artesãs na maioria das vezes eram as mães que preocupadas com a alegria infantil de suas filhas fiavam tempos e paciências para produzir uma boneca de pano. Para se fazer uma boneca de pano primeiro era preciso se pensar na forma do corpo e na disposição dos tecidos mulambentos que se tinha. Inicialmente cortava-se dois moldes de pano do mesmo tamanho e de mesmo recorte, em forma de uma pessoa com braços abertos. Juntava-se as duas partes, costurava-se e enchia de enchimento disponível, sendo mulambos, algodão, pó de madeira, mato, capim, bucha e até arroz. Depois que o corpo ficava bem enchido era a vez de costurar. Fechava-se bem o corpo e depois se pensava numa roupa e numa cabeleira para transformar a boneca em “mulher de verdade”. Para a cabeleira podia-se arranjar fiapos de corda e grudar na cabeça da infeliz. Podia ser também um pedaço de rabo de cavalo (o pêlo). Para fazer a boca da boneca se bordava a linha delimitante. Fazia-se um mini vestido e punhava na boneca. E pronto! A boneca estava sendo boneca.
A menina quando arrecebia tratava logo de punhar um nome para a fulana. E logo ela quando podia corria logo para ir mostrar a sua boneca as outras e chamá-las para brincar. Eram momentos restritos para as brincadeiras, mas mesmo assim as meninas de outrora aprendiam a costurar, a lavar roupas, a cozinhar e até a cuidar dos filhos e amá-los, como se faziam com as bonecas.
Se chegasse de atrevido um moleque sambudo no mei das meninas, elas tratavam logo de incluí-lo na brincadeira, onde ele por ventura seria o pai, pai-d’égua, pai-lhaço.
Assim, as bonecas de pano, nas mãos daquelas meninas de outrora, quase que tiveram vidas, vidas bonecamente falando.

APOLOGIAS AO POETA DO SERIDÓ

MINHAS COLEGAS DE PROFISSÃO ME FALAM:

Isabel Cristina da Silva:

            Eu conheci Ednaldo Luíz nas indas e vindas para Serra Negra do Norte. Ele é um grande professor que se fez poeta ou será que é um poeta que se fez professor? Ele tem muita habilidade para fazer novas amizades. Eu já ouvi uma de suas obras no final do ano 2011, no ônibus de Dadal, adorei. Seu é blog é muito dinâmico e eu espero que ele coloque seus projetos em prática, tipo confeccionar um livro de poesia ou causos. Ednaldo é humilde, fala muito, entende de tudo um pouco. Mas vejo nele muita perseverança que tomo como exemplo de vida. A mensagem que eu lhe dou é que todo ser humano encontra pedras no caminho, alguns desistem, outros tropeçam e aprendem com seus erros, mas não existe vitória sem sofrimento, não existe amor sem dor, tudo isso faz parte da vida. Viver é um grande dom que Deus nos deu, por isso não desista dos seus sonhos, mesmo que você não consiga realizá-los, mas pelo menos tente.
                                          

Isabel ou simplesmente Bebel é uma professora geógrafa, formada pela UFRN, a quem eu tenho grande estima por seu valor humano. É uma mulher que contempla as criações divinas como majestosas e é por isso que a faz ser uma grande mulher.

VULNERÁVEIS CALUNGOS

POEMA: VULNERÁVEIS CALUNGOS
POETA: EDNALDO LUÍZ DOS SANTOS.

São tão pequeninos, povos calungos!
Que brincam na inocência primária
E só temem o castrar dos limites
Quando um ar culto lhes ensina.
Levam a vida a sorrir em demasia
Seus corpos não se cansam de movimento
Estão sempre treinando as bases de seus interesses
E refugiam-se quando encontram impedimentos
Porém evocam a teimosia e a persistência
Até incorporarem o que é ruim e o que é bom.
Não têm conhecimentos da cultura capitalista
E nem tampouco devem se interessar por regras
Mas sabem que o mundo gira por acordos e papéis.
Tomam consciência do mundo dos grandes
E querem se incorporar as atitudes dos mais experientes
Comportando-se como meros repetidores dos atos vistosos
Querem sempre ter o que não têm por imitações
Querem construir uma cultura do querer sem esforço
Sem perspectivas de futuro promissor.
Querem vitalizar o hoje e enterrar o ontem acorrentado
Para que não haja a ilusão de uma luta pelo futuro tardio.
São povos calungos pelo mundo em comercio!
São povos calungos, inocentes, pelo mundo,
Alienígenas, alienados.      


Feito dia: 26/ 11/ 2014.
obs: OBRA DE FORTE INCIDÊNCIA PEDAGÓGICA.

REGIME MILITAR DO BRASIL

O ABAFAMENTO DAS NOSSAS REFORMAS SOCIAIS!

O GOLPE estourado no ano de 1964, em pleno Brasil de outrora se deu em meio as pretensões capitalistas dos Estados Unidos (já que foram eles que fundaram uma escola de cunho militar para que fossem formados grandes líderes militares que fortaleceriam todos os países da América a partir de um controle americano) e da CIA, companhia de essência americana.
O Jornal “A Verdade” (www.averdade.org.br) de cunho socialista, expôs uma manchete do escritor Glauber Ataide, diretor do sindados de Minas Gerais, onde detona que o maldoso golpe de 1964 que impôs o Regime Militar no Brasil além de ter é claro conspirado contra a atuação dos presidentes Getúlio, Jânio, Jango e Juscelino, foi um movimento de direita e, apoiado por vários setores empresariais (além da grande burguesia e de grandes latifundiários), que sufocou o engavetamento de projetos revolucionários para o país. Reformas de base como a reforma política, reforma agrária, reforma urbana, reforma educacional e reforma fiscal não tiveram êxitos e foram engavetadas. Se tais reformas tivessem sido colocadas em práticas hoje o Brasil não estaria sofrendo em vários setores sociais. Tudo porque os ricos não querem a ascensão dos pobres.

É preciso que nós intelectuais olhemos com olhos mais afincos para o que se sucede hoje no Brasil. Movimentos pedindo a volta do Regime Militar contra as grandes transformações que houveram nos governo dos presidenciáveis que são tachados de esquerdistas do PT. Há roubalheira? Há. Mas é preciso que se leve em conta o porque que não se investigava também nas antigas. Devemos ficara tentos a isso antes que a malandra burguesia não nos use novamente para atrasar cada vez mais o desenvolvimento do Brasil. Tenho dito!

TEMPERAMENTOS QUE GERAM FRUSTRAÇÕES

PARA SE GERIR HOJE EM DIA não é tarefa fácil. As várias mentes complexas e aguçadas de intelectualismo quando destratadas com desdém ou com certo ar de assédio moral produzem um ar rarefeito de pessimismos, de ódios, angústias e desesperos. Tais indivíduos ficam acanhados e amedrontados de uma forma que se acuam e não desfecham uma produção apetitosa e complexa de valorização interpessoal.
Os indivíduos submissos a uma gestão hipócrita e egocêntrica não demonstram afeições diante do malfeitor por temerem repúdios e fúrias que somam a uma diminuta queda da imagem popular. Mas eles são capazes de guardar uma revolta interna tão perniciosa dentro de si que quando encontram uma base de sustentação querem sufocar até os últimos suspiros a autoria da gestão que lhes incomodam. E em conjunto com outros setores afetados pelas ações impensadas tomam para si uma força descomunal tão veemente que é capaz de derrubar o mais alto escalão de uma gestão amparada por forças avulsas. Tal gestão mergulha num dilema que lhe corroi, que lhe atenta por dentro, inquietando o ser e o fazendo mergulhar numa depressão reflexiva.
A gestão vive de uma forma inquietante, lhe amargando por dentro, revirando suas víceras e lhe ferrando em ferro-em-brasa, onde a dor das palavras parece que adentrou no sangue e melindrou náuseas, cólicas e vômitos tão enojados que por ventura um banho ou uma lavagem estomacal seria um aliviante para as tensões deprimentes.
Isso é um cenário de tensões, de temperamentos explosivos que resolve a curto prazo as ditas más ações dos agentes. Mas não eliminam as seqüelas mesquinhas que são altamente cancerígenas se não forem resolvidas a tempo.
Quando os oprimidos, segundo Paulo Freire, se sentem diminutos eles são capazes de se juntarem e formar um contra-ataque na tentativa de recuperar o que foi perdido de imagem e de valorização profissional.

Assim, devemos gerir com cautela, implantando o diálogo como boa ferramenta para o subordinador entender o subordinado e o subordinador compreender o subordinado. Daí o subordinado mesmo estando em subordina entenderá o processo que se mostra em gestão.

NO PESCOÇO DA GAIVOTA

POESIA: NO PESCOÇO DA GAIVOTA
POETA: EDNALDO LUÍZ DOS SANTOS.

No pescoço da gaivota
Viajo surrupiando
Nas penas me apregando
Feito garras de marmota.

Vou sugando o sumo quente
Me coçando de cafifo
Com vontade de ter tifo
E virar bicho doente.

Vou cortando o vácuo forte
A gaivota quem perfura
Lá no alto a criatura
Sobrevive sem ter sorte.

Ela voa sorrateira
E balança acrobacia
Minha pele fica fria
Numa ave voadeira.

Vejo o povo tão pequeno
São cobaias da poética
Na gaivota falta à ética
Que descamba tal veneno.

Toda ave que transporta
E que voa com a glória
Vai tecendo sua história
Em um mundo que se nota
Ser poeta no final
Num vôo fenomenal
Dado por uma gaivota.


Feito dia: 29/ 11/ 2014.

Embuchada.

Ela pouco me compreendeu que o sinônimo de embuchada não era procurar bucho e nem embucho de buchada. O que se estava infiltrado na gama das percepções afrescas era a incapacidade de tal ser oposto de não tracejar um projeto de vida e de estrutura futura em relação a uma dada composição familiar.
Tardou muito a perceber que quem busca uma faculdade caseira e conjugalmente falando não é capaz de reconhecer os erros nas trajetórias vividas, mesmo que alguém de Lácio envolva um poliglotês de bilinguagem medonha, não será bem quisto e muito menos ouvido nos recônditos infames da geração perdida. Achar que o outro discorre uma visão vingativa e promiscua em relação ao bem estar humano não é mera postura de quem se conclama intelectual e que busca crescer em demasia.
Viver uma vida sem plano e sem prumo não é uma tarefa fácil. E principalmente quando o status social não corrobora para uma diligência de se constituir com folgaço um futuro digno para um futuro herdeiro do império miserável.

E agora na língua só se ouve os suspiros de arrependimentos e eloqüência desassistida de inteligência. Que passe no passe muito bem!!!!

APOLOGIAS AO POETA DO SERIDÓ EDNALDO LUÍZ

MEUS ALUNOS ME FALAM:

Iama Hellen da Silva Moreira:

Ednaldo Luíz, eu gostei muito das suas atividades e sempre vou gostar. Mim desculpe por eu ter dado trabalho. Eu vou sentir muita falta sua. Te Amo.


Iama(com apenas 11 anos) foi minha aluna do 5º Ano da Cidade de Serra Negra do Norte no ano de 2012. Muito sábia e inteligente era e ainda o é um exemplo de boa aluna.

OBS: as apologias de meus alunos eu tenho registradas em cartinhas. De todos eles.

NÃO DIGA QUE SOIS SOLITÁRIO!

QUE espécie de filosofia é essa? Admira-te as pessoas em posturas inquietantes fitando as cenas de um cenário meio hinóspito e ainda tem o desprazer de gerenciar um olhar estiloso, indigno do elixir platãonista ou parmenidiano. A filosofia bem quista jamais vai provir de uma espessura capilar tão arredia e promiscua e de volume inferior ao contextos gerenciados, pois não se desprega uma reflexão duaneira bem argumentada e aparelhada no tocante as cenas vistosas.
Vives em frangalhos mais do sois, afetivamente choras ainda o sumo ardente de um bifurque amoroso e não se olha pra o rabo. Vives a inalação de uma mistura depressiva diante de um abismo corroente e danoso que dilacera as víceras. Os próprios ângulos binoculares em estado morto não se abrem à vista tenra e escabrosa para filosofar mesmices e desdenhar a imagem póstuma de um grande ser magnífico e construtor de um mundo mais justo e igualitário. 

NO BALANÇO DAS FOLHAS

POESIA: NO BALANÇO DAS FOLHAS
POETA: EDNALDO LUÍZ DOS SANTOS.

E vão de lá pra cá
Balançando o vegetal
É um dom tão natural
Seja a espécie que for.
        
Balançando com amor
O refresco vem do vento
É o ar em movimento
Pro estômato respirar.

E pra só se balançar
O galho quem colabora
As seguram toda hora
E até na tempestade.

Tendo fecundidade
E terra bem estrumada
Pras folhas não faltam nada
Que impeça o teu balanço.

Tem a noite do descanso
Quando o ar não refrigera
Acabando a primavera
As folhas ver-se em balanço.


Feito dia: 13/ 12/ 2014.

APARECÊNCIAS

ELA AGORA APARECEU...

QUEM COSTUMAVA A VÊ-LA DIARIAMENTE SE SURPREENDEU E ATÉ SE ALIVIOU QUANDO AVISTOU-A ANDANDO NAS RUAS DESCALÇAS. ELA POIS ENTÃO APARECEU. E MAIS DESBOTADA E DESBOCADA DO QUE ANTES. DEVE DE SER PORQUE AGORA ESTÁ CHOVENDO NO SERTÃO SERIDOENSE.

E A CHUVA:
CHUÁ, CHUÁ, CHUÁ
TROUXE ELA PRA CÁ.


sábado, 13 de dezembro de 2014

APOLOGIAS AO POETA DO SERIDÓ EDNALDO LUÍZ

MEUS COLEGAS ME FALAM!

ÂNDRIS MEDEIROS - 17/08/2008.

Ednaldo, este ilustre amigo é uma das pessoas mais inteligente que conheço,ele está sempre lutando pelos seus objetivos de maneira honesta trabalhando dignamente e buscando ser feliz de acordo com seus conhecimentos,além como pessoa, eu o adimiro como poeta,pois ele é um grande contribuinte para a nossa cultura,parabéns!grande homem e grande poeta. 

ÂNDRIS É UM GRANDE AMIGO, É POLICIAL E DESTACA NA CIDADE DE SÃO JOSÉ. É UM GRANDE SER DE INTELECTUALIDADE AFINCA COM QUEM TIVE O PRAZER DE TÊ-LO CONHECIDO.

TROCADILHOS DE NOMES

POESIA: TROCADILHOS DE NOMES.
POETA: Lourival Batista

É muito triste ser pobre;
prá mim, é um mal perene...
trocando o ‘p’ pelo ‘n’,
é muito alegre ser nobre;
sendo pelo ‘c’, é cobre,
cobre, figurado, é ouro;
botando o ‘t’, fica touro;
como a carne e vendo a pele;
o ‘t’, sem o traço, é ‘l’;
termino só sendo ‘Louro’!
                              
Boto o ‘d’ e boto o ‘e’,
boto o ‘c’ e boto o ‘a’,
depois, um acento agudo;
em vez de Deca, é decá!
tiro o ‘d’ e tiro o ‘e’...
seu Deca, venha até cá.

Eu me confio em André,
porque sua paga é grande;
tire o ‘r’ e o acento
que talvez o mesmo ande!
no princípio, bote um ‘m’;
por caridade, me mande...
Fiquei muito admirado
deste nome de Campelo:
sem ‘el’, fica campo,
sem o ‘p’, fica camelo;
tirando o ‘c’ e o ‘m’,
ainda se escreve apelo."

Canhotinho, está na hora
de convidar José Tota;
tire o ‘t’ e bote o ‘n’,
prá nós ganhamos a nota;
tire o ‘n’ e bote o ‘b’,
 para ver se Tota bota.

Prá Dragão, estás errado,
pois Lourival já te explica:
tira a letra, apaga letra,
bota letra e metrifica;
tira o ‘d’, apaga o ‘r’,
bota o ‘c’, vê como fica....

Pra não ser um só errado:
Errei eu; erraste tu;
errou Pinto do Monteiro,
e Louro do Pajeú!
e, na palavra coidado,

tira o ‘o’, e bote o ‘u’

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

EDNALDO LUÍZ PASSOU NO CONCURSO DE JUCURUTU

EU NEM ESTOU ACREDITANDO NO QUE MEUS ZÓI ESTÃO VENO! EU CONSEGUI PASSAR NO CONCURSO DE JUCURUTU E SEM PEGAR EM NENHUM MATERIAL PARA ESTUDAR. PENA QUE EU FIQUEI NA SUPLÊNCIA E NÃO SEI SE VOU SER CHAMADO.
VEJA A LISTA:

CARGO: 331 - Professor Polivalente - Ensino Fundamental

Adriana Fernandes de Sousa - nº 65 = Aprovada.
Amanda Carla de Oliveira - Nº 10 = Aprovada.
Amanda Cordeiro de Medeiros - Nº 6 - Aprovada.
Aminadabe Lira Rodrigues - Nº 7 - Aprovada.
Ana do Carmo Aquino de Carvalho Nº 11 - Aprovadoa.
Ana Lucia Assis de Medeiros - Nº 16 - Aprovada.
Ana Lygia de Figueirêdo Pereira Diniz - Nº 41 - Aprovada.
Ana Paula Alves Muniz Nº 17 - Aprovada.
Ana Paula de Araujo Pinheiro - Nº 68 - Aprovada.
Ana Santana Barros Dantas - Nº 30 - Aprovada.
Ana Santana Medeiros da Costa - Nº 27 - Aprovada.
Antonio Francimar Lôpo da Silva - Nº 29 - Aprovado.
Camila Freire da Silva - Nº 15 - Aprovada.
Clarissa Maria Bezerra de Araújo - Nº 79 - Aprovada.
Cláudia Clícia Alves Garcia - Nº 87 - Aprovada.
Claudia Luana Dantas Oliveira - Nº 24 - Aprovada.
Clovilma Maria Silva Oliveira - Nº 13 - Aprovada.
Dorgival Bezerra da Silva - nº 77 - Aprovado.
Edilene Araujo Moreira - nº 18 -  Aprovada.
Edjane Estevam de Medeiros - nº 64 - Aprovada.
Ednaldo Luíz dos Santos - nº 83 - Aprovado.
Edvanio Firmino dos Santos - nº 57 - Aprovado.

Será que eu serei chamado? Será que eu vou ser funcionário público de Jucurutu? Só o tempo dirá. Fiquei também muito feliz por ver colegas passar como o nobre secretário de Cultura do SESC Edvânio. Só lembrando que no concurso de Caicó eu fiquei na colocação 98 e fui chamado. Deus seja louvado!
para os demais cargos você acessa: 
http://www.comperve.ufrn.br .

O chato é que muitas prefeituras estão de colúinho para realizar seus concursos tudo no mesmo dia e na mesma hora, só para atrasar os anseios de muitas pessoas que querem se concursar... 

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

APOLOGIAS AO POETA DO SERIDÓ EDNALDO LUÍZ

MINHAS COLEGAS DE PEDAGOGIA ME FALAM:
VEJAM O QUE EU PLANTEI DURANTE A MINHA FASE NA FACULDADE!

GILVANEIDE NASCIMENTO - 18/08/2008.

Palavras que trazem alegria e transmitem um pouco de felicidade devem ser sempre compartilhadas, por isso estou passando aqui para deixar registrado o que penso desse amigo com tive a alegria de conviver por mais de 4 anos no período da faculdade. Ele, como todos que o conhecem sabem, é uma pessoa cheia de entusiasmo e alegria, com poesia correndo nas veias e transbordando nos lábios. Suas histórias e poesias encantam os ouvidos atentos. Ednaldo é um batalhador e determinado nas decisões que toma. Tem um enorme coração e com certeza um futuro muito promissor a sua frente.Que Deus ilumine sempre seus passos, Ednaldo, e que os sonhos que realmente significam muito para você se tornem reais. Um grande abraço! Gilvaneide Nascimento/ Caicó(Secretária, pedagoga e católica a serviço de Deus e da igreja).


Grande Pedagoga, recepcionista, colega e agora agente, Gil. Tens um grande talento. É caicoense.

FESTA DE SANTA LUZIA NO ALTO DA BOA VISTA 2014

A ZONA NORTE DA CIDADE DE CAICÓ SE PREPARA PARA MAIS UMA GRANDE FESTA DA PADROEIRA DO BAIRRO ALTO DA BOA VISTA.

Será do dia 11/12/2014 ao dia 14/12/2014, onde haverá peregrinação (dia 11), novenas (dias 11, 12 e 13) e missa de encerramento (dia 14) com batizados e celebrações eucarísticas. Na parte social das danças e festas, o povo vai contar com Chá de Confraternização (dia 11, quinta-feira), Jantar (dia 12, sexta-feira, com a Banda Romildo e Teclado), Festa Dançante (dia 13, sábado, animada por Kiko almeida e Forró de Mala e Cuia, Bené e Filhos, e Os quatro Forrozeiros) e grande tradicional Feirinha (dia 14, domingo, com Rodolfo Lopes e Pura Simpatia).
Venha prestigiar esse grande evento! Vai ser bom pra desopilar... 

O BLOG DO POETA DO SERIDÓ ESTÁ DE PARABÉNS!

Este blog está de parabéns pois já ultrapassou mais de 1000 (mil) postagens e todas elas com uma gama de clicks incontrolável. Fiquei muito satisfeito que com o nobre Dr Henrique Baltazar que foi juíz de Caicó e que apareceu recentemente no Fantástico da Rede Globo de televisão falando da Operação Policial de nome Alcatraz, sendo que ele postou em um facebook, sabido por Eduardo Dantas, que acha melhor que seja feito um presídio em cada cidade. Prova que ele compartilha da mesma ideia que eu já havia relatado anteriormente. Deveras ele tenha lido o meu blog!
Mas as mil postagens se assentam no patamar de suprir as carências de um povo ávido de informes dos mais diversos. aqui não tem notícia de politicagem, nem de esportes e nem tão pouco de violência criminosa. Aqui é um espaço de análises e reflexões sobre o que acontece na sociedade. Além de ser um espaço de entretenimento e cultura local. A história também faz sua presença junto com a Pedagogia, a Filosofia e a psicologia. Também a arte poética se direciona e faz o leiotr ter uma nova opção de acesso no espaço amplo e complexo da internet.
Obrigado a todos e continuem acessando este blog!